Bordas de jardim

Bordure da giardino
Categoria: Arquivo Jardinagem
Tag:
Condividi:

Materiais

Se pretende criar bordaduras no seu jardim, deve primeiro delimitar a área e para isso pode utilizar diferentes tipos de soluções. Aqui estão eles:

  • Estacas de madeira : Facilmente encontradas em lojas de jardinagem, essas estacas podem ser cravadas no solo uma ao lado da outra, verticalmente ou espaçadas. Neste último caso é possível, por exemplo, ligá-los com um cabo ou fio metálico.
  • Pneus velhos : com estes materiais reciclados você pode criar bordas rústicas e simples, mesmo que nem sempre seja fácil inseri-las no solo. Você pode usar pneus velhos de bicicletas ou outros veículos.
  • Rede de arame : barata e disponível em qualquer loja de jardinagem, essa tela de arame pode ser cortada para se ajustar perfeitamente ao comprimento da borda.
  • Pedras ou tijolos : esses materiais também possuem baixo custo e seu uso é bastante versátil. Os tijolos, em particular, são ideais para criar bordas "criativas", colocando-os lado a lado, na vertical ou na horizontal, ou obliquamente.

A escolha de um ou outro tipo de material deve ser feita em função do estilo que caracteriza o jardim. Por exemplo, para jardins ingleses pode-se usar redes metálicas, enquanto para um espaço verde mais rústico recomendamos pedras ou estacas de madeira.

Como criar uma borda

Depois de escolher qual material usar para delimitar as bordas, é preciso desenhar as bordas no chão. No caso de bordaduras lineares é possível utilizar uma prancha de madeira ou esticar um arame entre duas estacas cravadas no solo; se, em vez disso, você quiser se entregar a criações mais imaginativas, poderá usar a mangueira de água para desenhar perfis curvilíneos. Desta forma, serão criadas lindas bordas onduladas, decididamente originais. Deve-se lembrar também que bordas semelhantes têm a capacidade de fazer o jardim parecer maior, ao contrário dos cantos e linhas retas que dão a impressão de que os espaços são mais estreitos. Uma vez criado o perfil da orla, trace o contorno com um pouco de giz em pó para ter uma guia no terreno para as operações posteriores. Neste ponto iniciam-se os trabalhos de escavação, retirando a porção superficial do terreno até atingir a profundidade necessária para colocar tijolos, pedras ou outros elementos que delimitarão a orla. Se forem utilizadas apenas estacas de madeira, estas podem ser cravadas diretamente no solo seguindo a linha desenhada com giz. O mesmo vale para telas metálicas, que geralmente não necessitam de escavação para sua instalação.

Preparação do solo

Uma vez delimitada a borda com os materiais adequados, o solo no seu interior deve ser preparado considerando o tipo de plantas que pretendemos colocar. Para as bordas, geralmente são amplamente utilizadas plantas perenes perenes, que permanecem lindas o ano todo; com base nas espécies que serão plantadas, será escolhido o solo adequado, embora geralmente um universal seja mais que suficiente. Antes de colocar uma camada deste solo, é aconselhável capinar cuidadosamente o solo subjacente. Alternativamente, é possível plantar espécies típicas de jardins de pedras na orla. Estas plantas caracterizam-se por uma necessidade muito baixa de água, pelo que são ideais quando não tem muito tempo (ou vontade) de regar periodicamente as bordaduras do jardim depois de criadas. No entanto, as plantas dos jardins de pedras têm um grande inimigo: a estagnação da água, que pode causar apodrecimento das raízes, asfixia e nos casos mais graves até a morte. Para evitar problemas para as espécies que vamos plantar, precisamos trabalhar o interior da borda colocando uma camada de areia e cobrindo-a com um solo com excelente capacidade de drenagem.

Plantas para usar

A escolha das plantas para colocar nas bordaduras varia, sem dúvida, de acordo com o gosto pessoal, mas ainda existem plantas que estão entre as espécies mais bonitas e práticas de usar. Aqui estão algumas das melhores plantas com flores que podem ser plantadas nas bordas:

  • Mountain alyssum: planta anã que forma densos tapetes de flores amarelas.
  • Erigeron: lembram pequenas margaridas e podem ser de cor branca, amarela ou violeta.
  • Anêmona da madeira: esta planta herbácea perene de cobertura do solo é ideal para bordaduras em áreas sombreadas. Produz flores brancas com pistilos amarelos, muito bonitas.
  • Cravo da Índia: também conhecido como calêndula, essa planta adora áreas ensolaradas e produz lindas flores amarelas e vermelhas.
  • Vassoura: é uma planta que necessita de pouquíssima água e que, na primavera, fica coberta de flores amarelas.

No que diz respeito às espécies de cobertura do solo, recomendamos:

  • Lysimachia nummularia: esta espécie perene possui muitas folhas pequenas, redondas e verdes claras.
  • Tulbaghia: caracteriza-se pelo aspecto espesso, produz flores violetas perfumadas e é ideal para sombra parcial.
  • Ajuga: forma tapetes de folhas com tonalidades roxas e, no verão, produz espiguetas de flores azuis.
  • Lavanda anã: esta bela espécie de cobertura vegetal produz flores altamente perfumadas, da típica cor violeta.
  • Ivy: planta clássica de cobertura do solo ideal para sombra parcial e sombra; suas folhas variegadas são muito bonitas e decorativas.

Arranjo de plantas

Para uma borda que fica bonita o ano todo, é possível usar plantas perenes, que muitas vezes nem precisam de muita rega. Alternativamente, essas plantas podem ser intercaladas com espécies com flores, que dão um toque de cor à borda em diferentes épocas do ano. Os jardineiros mais apaixonados e experientes também poderão colocar, na orla, espécies que florescem em diferentes épocas do ano de forma a criar um continuum de cores na alternância das estações. A escolha das cores deve ser feita tendo em conta os efeitos cromáticos que se pretende criar na borda, optando por exemplo por cores sempre diferentes e contrastantes entre si ou por flores de tonalidades semelhantes (todas amarelo-laranja, vermelho-fúcsia ou violeta-azul). Quando a borda hospeda plantas perenes, é melhor plantá-las em grupos de dois ou três exemplares, evitando formar grandes blocos de plantas amontoadas. Também é melhor evitar arranjos excessivamente geométricos, como plantas todas enfileiradas: é muito melhor se divertir e criar padrões originais e variados.

Publicato: 2012-11-20Da: Redazione

Potrebbe interessarti

Sistema antifurto sem fio no kit: como escolher

Quase todos os roubos ocorrem quando não há ninguém em casa, e nos últimos anos os roubos a residências aumentaram, tanto que segundo algumas estimativas foram roubados bens no valor de cerca de 40 milhões de euros, praticamente um roubo a cada 2 minutos. Por esta razão pode ser interessante equipar-se com um kit anti-roubo wireless, um sistema de baixo custo que pode ajudá-lo a tornar a sua casa à prova de ladrões.

2021-09-26Redazione

Alarme residencial: como escolher e instalar

O alarme anti-roubo residencial é um produto tecnológico que exige muito cuidado na sua escolha, pois é a ele que confiamos a nossa tranquilidade quando estamos no apartamento e principalmente quando saímos. Entre sistemas perimetrais, sensores volumétricos, tecnologias infravermelhas, microondas e rádio, a escolha muitas vezes é muito complicada, aqui está um guia que o ajudará a esclarecer.

2021-09-01Redazione
Migliori cover Samsung S9

Melhores capas para Samsung Galaxy S9

Quando você compra um smartphone do calibre do Samsung Galaxy S9 você não pode simplesmente esperar não arranhá-lo ou estragá-lo: torna-se necessário comprar uma capa que funcione como proteção, mas que também seja capaz de melhorar a aparência estética e a funcionalidade do telefone.

2018-05-24Redazione
Migliori cover iphone x

Melhores capas para iPhone X

O Iphone Dado o seu custo considerável, é altamente recomendável utilizar uma capa que proteja o smartphone preservando ao mesmo tempo a sua integridade e funcionalidade. E são tantas as capas desenhadas e criadas especificamente para o iPhone X: vamos ver quais são as melhores.

2018-01-17Redazione